Já pensou se a produção está super eficiente e de repente o maquinário para? Deve ser o pesadelo de qualquer gestor de chão de fábrica.

A manutenção preventiva é o cuidado que você deve ter para manter as máquinas hidráulicas funcionando. Sem ela, a indústria pode ter muito prejuízo por paradas repentinas durante a produção.

Se você quer a manutenção preventiva age nas máquinas hidráulicas, quais são os seus benefícios, e como aplicá-la, você está no artigo certo. Boa leitura!

 

O que é manutenção preventiva?

Quem nunca ouviu falar que prevenir é melhor do que remediar? Para a indústria, essa frase é quase lei. Problemas operacionais podem causar um verdadeiro efeito dominó, onde toda a produção será danificada.

 

Por isso, a manutenção preventiva acompanha os equipamentos por meio do monitoramento, das inspeções e da coleta de dados, usando as informações obtidas para verificar o estado dos materiais.

 

Com esse acompanhamento, é possível entender como anda o maquinário e evitar que problemas peguem você de surpresa. A manutenção vai além do conserto da máquina, pois faz a checagem e correção do que posteriormente pode te causar problemas, mantendo a segurança e eficiência da produção. 

 

A manutenção preventiva pode e deve ser feita periodicamente, já que se trata de verdadeiros cuidados que precisam ser mantidos com as máquinas hidráulicas para alcançar a melhor capacidade produtiva da indústria.

Para entender melhor quais cuidados são implementados durante essa manutenção, confira o nosso Checklist prático e aproveite para aplicá-lo na sua indústria!

 

A importância da manutenção preventiva em máquinas hidráulicas 

A manutenção preventiva é a ação ideal para a preservação de peças hidráulicas. Elas precisam de lubrificação, ajustes, controle de fluidos, óleos, verificação de vazamentos e diversos outros processos que devem ser feitos periodicamente para que mantenham o seu bom estado e o seu bom trabalho.

 

Além disso, essas falhas que citamos acima não são desejadas, além de prejudicar o trabalho do maquinário, podem causar acidentes, desgaste e diminuição da vida útil das máquinas. O que, por fim, pode gerar a necessidade precoce de compra de novos equipamentos.

 

Perceba que, sem a manutenção preventiva adequada, é impossível manter as máquinas hidráulicas em um bom estado de conservação por muito tempo. Confira aqui os sete cuidados que são indispensáveis para esse maquinário.

 

Os benefícios de realizar a manutenção preventiva

 

A manutenção preventiva é importante também por seus diversos benefícios. Confira:

 

Aumento da vida útil do equipamento ou máquina e a confiabilidade

Um desgaste simples na máquina pode se transformar em um grave problema, então a manutenção preventiva ajuda no aumento da vida útil do equipamento hidráulico ao impedir que esses desgastes cresçam.

 

Além disso, problemas no maquinário podem significar quedas na produção, atrasos na entrega do produto ao cliente e muita insatisfação. Com a manutenção preventiva, a sua indústria será sempre estável e confiável para os clientes.

Funcionamento adequado e redução de falhas durante a operação

Como falamos antes, as máquinas hidráulicas precisam de vários cuidados para funcionar. Sem esses processos, elas podem acabar cometendo falhas durante a produção, como paragens, erros e até prejuízos à proteção de todos. 

O vazamento de óleos, por exemplo, é um risco à segurança dos colaboradores, enquanto filtros não limpos periodicamente prejudicam o funcionamento do maquinário e encarecem muito os custos de manutenção.

Redução de custos com reparos e por problemas inesperados

Ao adotarmos as manutenções preventivas periodicamente, diminuímos a necessidade de manutenções corretivas, e, assim, diminuímos também os gastos com reparos. 

 

Eliminar a chance de desmontagem desnecessária

A manutenção preventiva fornece um acompanhamento ao gestor, dessa forma, a liderança ficará sabendo do estado da máquina e terá sempre documentos que registram qualquer detalhe. 

Sem esses documentos, na hora do conserto, os colaboradores não saberão por onde se guiar, desmontando partes desnecessárias para encontrar de onde vem a falha, o que significa mais perda de tempo e dinheiro.

Reduzir as paradas de emergência

A manutenção preventiva impede que a produção seja interrompida na fábrica, já que faz um acompanhamento completo das máquinas e corrige com antecedência qualquer erro que poderia causar uma emergência posteriormente.


Determinar previamente interrupções de fabricação.

A manutenção preventiva não é pontual, como a corretiva, mas sim sistematizada. Ela também necessita da paragem das máquinas, mas  as paragens devem ser planejadas. O gestor irá definir qual é o melhor período para que ela seja feita, o que minimiza totalmente o impacto negativo que essa pausa teria durante uma manutenção corretiva.

Reconhecer a importância da manutenção preventiva é a melhor postura para a sua gestão! Se você já está disposto a aderir a essa manutenção, nós vamos te indicar as metodologias ágeis para planejar o cronograma de manutenções na sua indústria.


E não se esqueça que nós estamos com você em cada manutenção! Nós transformamos empresas durante cada visita técnica, fabricação de peças e inspeção. Focamos sempre nas necessidades dos nossos clientes para desenvolver soluções personalizadas. Fale agora conosco e vamos juntos!